'Às vezes tu dizias: os teus olhos são peixes verdes! E eu acreditava. Acreditava porque ao teu lado todas as coisas eram possíveis'

23 janeiro, 2009

Das minhas dúvidas

Helen Breznik
.
.
.
.
"para qualquer artista - para qualquer pessoa - pode acontecer passar-se o tempo sem se entender o porquê e o objectivo daquilo que fazemos. o momento da verdade, quando chega, se chega, pode não mudar tudo, mas dá mais precisão e potência às coisas. para Andrew Bird isso aconteceu quando chegou à conclusão de que a sua profissão não era ser músico, não era verdadeiramente ensaiar ou sequer tocar, mas antes 'sonhar acordado' ".
.
.
[In Ipsilon]
.
.
.

8 comentários:

Canelita disse...

:) meninaaaaaaaaa
Partilhamos da mesma profissão, né?:)
Mas...por cá, eu, continuo também a espera de esse "momento da verdade"!
Beijinhos cheios de sol

Canelita disse...

Quase me esquecia...
Foto BRUTAL!!!!:))

tinta disse...

já vi muitas desculpas para ficar ficar na cama até tarde em vez de ir trabalhar, mas essa também não está mal :-)

Vanessa disse...

acreditas que tenho agora o jornal aberto nessa página? :p

sonhar acordado. também quero.

beijinho*

(saudades, menina! :))

pin gente disse...

mas é bom!

a foto é belíssima

beijo
luísa

as velas ardem ate ao fim disse...

Foto+texto=Sublime!

Quero aprender a fazê-lo.

um bjo

Por entre o luar disse...

Acho que eu oartilho da mesma profissão=)
lol

beijinhos e sorriso*

Andreia disse...

por entre o luar, acho que fazes muito bem :) Beijinhos.

as velas ardem até ao fim, vale a pena o esforço. beijinho.

pin gente, sim, a foto é linda! beijinhos.

vanessa, aquele jornal é fabuloso! :) a culpa das saudades existirem é da chuva e da falta de almofadas no Artes em Partes, tenho a certeza :) beijinhos.

tinta, sim, o que eu gostava mesmo era de não ter que me levantar de manhã... :)) beijinhos.

borboleta, sim!!! basicamente, somos as duas malucas!! beijinhos e abraços!

Arquivo do blogue